8 de nov de 2012

Selinho

Oiie
Tudo bom?
Espero que sim


Recebi um selinho da Nídia-chan (obrigada por lembrar de mim õ/) e vou posta-lo aqui, tenho de postar mais vezes x.x
                                                   
Regras:
As regras (devem ser seguidas sem exceção me obrigue e.e): 
Repassar o selinho para 10 blogs e avisar os mesmos. 
Divulgar o blog que criou o selinho com o link: Cabeça de Garota
Mencionar quem te passou o selinho com o link: Once Upon a Time
Caracterizar o blog com três palavras: Cativante, lindo e criativo

Repasso a:
No one u.u 

2 de nov de 2012

Desafio

Olá minhas crianças
Tudo bom com vocês?
  Hoje vim fazer um pequeno desafio que a minha queria Dani-senpai(www) me passou ^-^. Arigatou >.o
  Regras: Não há regras. Apenas responda a todas as perguntas e envie para dois blogs.

Desafio de perguntas:
1_ Na sua opinião, quem você conhece que mais se parece com um personagem de anime, mangá ou game?
Etooo, a Angélica-chan *-* ela é um personagem de anime com certeza! E a Nidia-chan também xP, o jeito dela me faz lembrar um anime

2_ Qual presente mais inesquecível que você já recebeu?
'-' não faço a mínima ideia

3_ O que significa ser um Otaku para você?
Significa ser uma pessoa idiota e ignorante que acha que tudo que vem do Japão é melhor por causa de desenhos que eles fazem, que querem se engrandecer dizendo que as coisas que eles gostam são melhores e que são diferentes =.=. Salvando meus amigos que não são assim u.u, mas a maioria dos Otakus é u.u!

4_ O que mais você gosta em um: anime, game ou mangá?
Anime: Lutas e romance
Game: Zumbis *-* e guerras
Mangá: romance 

5_ Qual musica de anime você se descreve?
Não sei dizer se me descreve, mas eu simplesmente sinto como se eu fizesse parte da música, ela me toca muito e eu me vejo nela... Aoi Shiori - Galileu Galilei, op. Ano Hana.


6_ Pelo o que gostaria de ser lembrada (o)?
Uma garota louca, idiota e infantil que faria tudo por quem ama e quem não gostava do amor...

7_ Qual mangá mais interessante que você já leu? Por que?
Sei lá, nunca li muitos mangás.

8_ Se você pode-se ser um vilão ou/ vilã por um dia qual você seria?
Joker *~*... mas de anime, eu seria... nom sei, não tem muitas vilãs daoras então eu seria ou o Byakuran ou o Orochimaru u.u

9_ Se seu (a) personagem preferido (a) viesse até você lhe conceder 3 desejos o que pediria?
-Ir morar em Portugal perto dos meus amigos
-Que ele se casasse comigo 
-Ir em um show do Blink-182

10_Qual melhor movie japonês você já assistiu? Recomende aos seus amigos:
Nenhum '-'

Repasso para ninguém xD ^^'' preguiça, quem quiser pegue!



1 de nov de 2012

31 de Outubro - Dia do Saci

   Oiie
   Tudo bom com você?
    Eu ando bem revoltada com a população e com vontade de explodir esse mundo... mas fora isso, bem obrigada.
                                 
    Sim, pela primeira vez as imagens terão algo haver com o tema da postagem, nosso Saci merece isso u.u
     Antes de mais nada
     Feliz dia do Saci atrasado 

30 de out de 2012

Bullying, burrice, e pena

Oiie
Tudo bom?

Se você ainda não conhece o caso de Amanda Todd você está um pouco atrasado, assista o vídeo abaixo:
     Não! Não vim defender ela, não vim dizer que estou com pena, que ela não merecia nada disso... ela foi burra essa é a única e inevitável verdade.

Sem sentido, mente e livros

   Oiie
   Tudo bom com vocês?
   Eu vou indo

    Já perceberam que as minhas imagens não fazem nenhum sentido com as postagens né? Pois é, antes eu costumava procurar imagens que tivesse haver com o conteúdo, mas eu gostei desse estilo, apesar de eu ter de deixar de ser tão... preto e branco. O que as pessoas que vem o blog pensam?
    Louca, do mal u.u. Anti-Cristo e.e
    Hahahaha ok, exagerei no anti-cristo, ou não '-'. Ou talvez elas não pensem nada, de qualquer forma, eu gosto de coisas sem sentidos, imagens com frases que não tenham o mínimo nexo com a postagem, eu gostei desse estilo adotado!
     As pessoas são meio loucas, todas são. Elas mudam tão facilmente, eu mudei muito de uns tempos pra cá, mais do que eu esperava. Mesmo assim eu mantive minha essência, apesar de ter pessoas que perdem ela, se transformam por completo. Eu tenho medo disso. Medo que as pessoas mudem completamente, a mente é algo tão instável;

18 de out de 2012

Simple Plan, músicas e HSN-san

Oiie
Tudo bom?
Eu... não vou bem
Mas... whatever
   Ontem eu assisti um show do Simple Plan na Multishow, e nossa, é nessas horas que você vê que uma banda se descobre pelo show! Eles são muito legais, carismáticos, simpáticos e o Pierre (vocalista) aprendeu a falar várias coisas em português, é tão bacana ver que ele ao menos tenta se comunicar com os fãs eu amo isso!
     You all the stars tonight - Pierre
    Além disso, eu não sei como  mas eles tocaram todas as músicas que eu mais gosto deles! Foi incrível e demais, eu quase me senti no show! Parecia uma retardada pulando e cantando na sala, eles são a banda e depois de ver o show deles, além do meu carinho e admiração, eles ganharam meu respeito!
    Simplesmente a-m-e-i!!!!

história sem nome-san Capítulo 24


Capítulo 24

Zumbi

        Eu tremia. Isso é tudo que eu vou te dar. Eu tinha medo, Mel ainda me abraçava, John parecia pensativo.
         – Eu? O centro da terra?
         Acenei trêmula.
         Rafaela parecia a ponto de ter um ataque.
         – Ai droga, é tudo culpa minha, eu exerci muita força, queria ver se ela se lembrava de alguma coisa, mas... Ai desculpa, eu...
         – Tudo bem – disse balançando a cabeça lentamente – você fez bem. Mas eu estou cansada – e agora me dirigindo a John disse – posso ir para casa?
         Ele sorriu, se agachou e me deu um beijo na testa, seus lábios eram quentes, ou eu que estava demasiado gelada.
         – Você deve ir para casa. Mel pode acompanha-la?
         Mel acenou, e ainda abraçada a mim, se levantou e seguimos para minha casa. Na calçada, do outro lado da rua, o meu novo vizinho, o garoto que me chamara de estranha estava sentado, encostado a um canto, lia um livro que eu não identifiquei o título. Ao ouvir os barulhos de passos levantou os olhos distraídos,  deu uma olhada na Mel, sem real interesse e depois seus olhos pousaram em mim demoradamente.
        Ele se levantou, se aproximou com cautela, parecia com receio de chegar perto de mim.
        – Ela está bem? Precisa de ajuda? – perguntou ele para Mel, com as sobrancelhas erguidas. Por que ele falava como se eu não pudesse ouvir?
         Mel sorriu, agradeceu a oferta, mas fez que não. Ela sabia que para mim, o melhor agora seria ficar o mais sozinha possível e tentar explicar o que havia acontecido comigo seria um pouco complicado, definitivamente ele não entenderia.
         Ele deu mais uma rápida olhada para mim, como se eu fosse alguma espécie de bicho ao qual ele tinha medo de se aproximar. Ok, esse garoto estava me dando raiva!
          Entrei e fui direto ao banheiro, Mel foi preparar algo para eu comer enquanto eu ia tomar banho. Me olhei no espelho e notei o porque da reação estranha daquela garoto, eu não só estava pálida como papel, eu também estava meio arroxeada como se toda a cor tivesse sido drenada de mim, até mesmo o branco! Eu tinha olheiras, como se não dormisse a dias, e minha mão sangrava muito, além de eu ter alguns cortes no rosto. Lembrei-me da dor que senti e me deixei deslizar até o chão do aposento, poderia ser confundida facilmente com um zumbi com aquela aparência, me perguntava se alguma hora eu voltaria ao normal.
        Tomei banho o mais demoradamente que pude, coloquei uma bata preta e um jeans cinza assim como uma pequena sapatilha da mesma cor. Me olhei no espelho, do meu cabelo escorria água fazendo pequena gotas na minha bata. Minha pele tinha ganhado um pouco de cor, pelo menos eu não estava mais arroxeada, na minha mão já não havia sangue, apena uma cicatriz completamente fechada. E os cortes do meu rosto também tinham se fechado .
         Desci e me deparei com uma mesa cheia. Haviam alguns sanduíches, com tudo que você pode imaginar, suco, refrigerante, brigadeiro ainda mole e quente em um copo com morangos mergulhados. Mel havia pegado tudo que melhor que havia em casa e feito um verdadeiro banquete.
         – Assim você vai me mal acostumar. Não é porque eu pareço um zumbi que preciso de tudo isso!
         Mel riu, mas ainda parecia preocupada, minha olheiras tinham dado uma leve suavizada, mas eu me sentia como se tivesse corrido uma maratona e minha voz saia fraca e falhando algumas vezes. É, eu tinha a levíssima impressão de que agora em diante as coisas começariam a pegar fogo, e que eu estaria de alguma forma no meio de tudo isso!
        Comi tudo que pude, sem me preocupar em engordar, tomei dois grandes copos de suco e um de água e fui me deitar. Ainda eram 15:30 da tarde, mas eu precisava dormir.
         – É melhor ir para casa agora Mel-chan, eu vou ficar bem – prometi.
     – Tem certeza? Posso ficar aqui até sua irmã chegar!
     – Não! Por favor, vá pra casa...
     Eu não sabia exatamente o porque, mas eu sentia necessidade de ficar sozinha. Fechei minha porta e minha janela, tranquei ambas. Assim que deitei dormi imediatamente, sem sonhos ou pesadelos, sem nada além do cansaço.